Creatina (Crea-Creat Microdose) (150g)

Creatina (Crea-Creat Microdose) (150g)

Marca: Physical Pharma


Por:
R$ 159,00

ou 6x de R$ 26,50 Sem juros

O QUE É CREATINA
POR QUE CONSUMIR SUPLEMENTO DE CREATINA?

CREATINAS - Physical Pharma

Assim como tantas outras substâncias, a creatina é produzida pelo nosso corpo a partir de alguns aminoácidos. Ela também está presente em alimentos proteicos, com destaque para carnes vermelhas e peixes, além de leite e seus derivados. Normalmente um organismo adulto produz 1 grama de creatina por dia e outro 1 grama é obtido por meio da alimentação.

A maior parte desse volume é armazenada nos tecidos musculoesqueléticos. Então adivinhe por que as pessoas que tem uma vida ativa e treinam com regularidade devem consumir suplemento de creatina. A resposta é simples: a creatina tem uma relação direta com o aumento de força, de potência e de massa muscular.

Essa substância atua na produção de ATP – molécula que funciona como fonte de energia para todos os processos celulares. Os músculos usam ATP predominantemente em exercícios anaeróbios. Portanto podemos pensar que a creatina é parte do combustível que seu corpo precisa para ficar mais forte.

Claro que as vantagens de suplementar seu corpo com essa substância só serão percebidas se você equilibrar suas refeições e direcionar seu treinamento para o ganho de força e de massa muscular. Se está com dúvidas, os nutricionistas parceiros da Physical Pharma esclarecem e detalham informações para o consumo adequado e seguro de creatina.

OS TIPOS DE CREATINAS DA PHYSICAL PHARMA
OS TIPOS DE
CREATINA

A evolução tecnológica que vemos em aparelhos eletrônicos também acontece na fabricação de suplementos. Os resultados positivos atingidos com suplementos de creatina fazem com que laboratórios se dediquem a aprimorar sua composição química. Entre os diversos tipos, destacam-se a creatina monohidratada e a creatina HCL (hidroclorizada). Esta última é considerada a da “nova geração” de suplementos.

A maneira como agem no corpo é a mesma. O que difere a monohidratada da HCL é a velocidade de absorção e a biodisponibilidade (percentual de aproveitamento do nutriente pelo organismo). Essas duas características são maiores na HCL, até por isso seu custo é maior.

Veja as alternativas de suplementos de creatina que a Physical Pharma oferece.








OS BENEFÍCIOS DA
CREATINA

Se a ideia é aproveitar ao máximo os benefícios da creatina, o mais indicado é usar suplementos dessa substância. Com as orientações corretas, a creatina vai ajudar você a atingir melhores resultados em seu treinamento. A evolução aparecerá tanto diante do espelho quanto na sua disposição para se exercitar.

Isso mesmo, você leu certo, vai se sentir mais disposto. A creatina também reduz a sensação de fadiga. Logo, não apenas atletas podem consumi-la para obter maior rendimento físico como pessoas ativas comuns conseguem se beneficiar de seus efeitos. O suplemento de creatina é um incrível aliado para espantar aquele cansaço que, muitas vezes, tenta sabotar um treino ou uma atividade profissional que demande mais foco e energia.

Muitos estudos comprovam a eficiência da creatina. Uma publicação na Revista Brasileira de Nutrição Esportiva1 em 2017 mostra uma revisão da literatura a respeito dos efeitos da suplementação de creatina sobre a composição corporal de praticantes de exercícios físicos. O artigo reúne 26 estudos nacionais e estrangeiros, com pesquisas feitas tanto com homens como com mulheres e durante diversos intervalos de tempo – de uma semana a dois meses. A maioria deles indica a eficácia do suplemento, sendo ela maior em exercícios de alta intensidade, curta duração e pequenos intervalos entre as séries de repetições.

Há uma confusão quando as pessoas questionam alguns benefícios da creatina. O mito mais comum é dizer que creatina não aumenta massa muscular. Realmente, se você a ingerir e passar o dia em frente a um computador, trabalhando, e nas horas vagas deitar no sofá para ver TV, seu corpo não vai ganhar massa muscular. Mas isso soa óbvio, certo? A creatina eleva a tolerância do esportista ao esforço físico e retarda a fadiga. Portanto, quem treina, mesmo que duas ou três vezes por semana, vai notar um aumento de massa magra, decorrente da combinação atividade física (musculação, fortalecimento, corridas de curta distância) + suplemento de creatina.




QUEM PODE TOMAR
CREATINA

QUEM PODE TOMAR WHEY PROTEIN ISOLADO

A indicação imediata de suplementos de creatina está ligada aos praticantes de esportes de explosão muscular e anaeróbios. Em qualquer modalidade que exija saltos, levantamentos de peso, sprints e explosões (arrancadas rápidas, como em lutas marciais, corridas de 100 m rasos e provas de ciclismo de alta velocidade e curta distância) ou arremessos, o atleta que consome creatina vai notar uma melhora enorme da performance. E com mais um bônus: o cansaço dos picos de treinamento será menor.

Assim como há uma vasta literatura que comprova esses benefícios para o público acima, idosos também colhem os resultados positivos da suplementação de creatina. Um estudo2 publicado em 2015, disponível na Biblioteca Nacional de Medicina dos EUA, realizado com pessoas ativas entre 51 e 70 anos, acompanhadas por 32 semanas, revela que o grupo suplementado com a creatina preservou a força e a massa muscular, comparado ao grupo que tomou placebo. Esse suplemento, inclusive, pode ser adotado em tratamentos de sarcopenia – perda degenerativa da parte musculoesquelética e da coordenação.

Porém, a suplementação de creatina deve ser evitada por crianças e gestantes. A não ser que, em casos muito específicos, seja prescrito por um médico ou nutricionista. Não consuma sem consultar um profissional se você fizer parte desse grupo.


QUANDO TOMAR
CREATINA

Ao optar pela suplementação de creatina, o momento do dia para ingestão pode variar, antes ou depois do treino. Realmente tanto faz, mas a escolha vai depender mais da sua rotina de alimentação. Os benefícios da creatina são obtidos ao tomar de maneira regular e não imediata.

O importante é garantir uma quantidade adequada da substância nos músculos que serão solicitados ao longo das semanas de treino. O consumo diário serve para montar um estoque da creatina, a fim de potencializar seus resultados. Mas lembre-se de respeitar as doses recomendadas. Tomar em excesso não aumenta o ganho de massa.



COMO TOMAR CREATINA
COMO TOMAR
CREATINA

As estratégias de treinamento vão ditar a suplementação de creatina. De maneira geral, sugere-se um consumo de até 3 g de creatina diluída em água, conforme indicado já nas embalagens dos produtos. Dica extra: água quente ou morna facilita a diluição do suplemento. Mas essas estratégias também podem considerar protocolos que fazem distinção do volume consumido com base no peso corporal e até na faixa etária.

Em casos de atletas que participam de competições, por exemplo, seus treinadores e/ou nutricionistas costumam indicar a ingestão entre 20 e 30 g de creatina por dia, num período de até uma semana para aumentar, num curto espaço de tempo, a quantidade da substância nos músculos. Só que isso deve ser estabelecido junto com um profissional da área. Bateu uma dúvida? A gente esclarece para você, com nosso time. Entre em contato através do nosso email ( atendimento@physicalpharma.com.br) ou telefone (11) 2063-6679.

Lucas Toyama, nutricionista parceiro da Physical Pharma




Sempre oriento o paciente a tomar a dose diária de 0,1 mg/kg de peso, todos os dias. Caso ele não use e precise de um rápido aproveitamento da creatina em um curto período, pode ser feita uma saturação diária de 20 g por 7 dias, e depois baixar para 0,1 mg/kg de peso por dia.

Lucas Toyama,
Nutricionista parceiro da Physical Pharma

DIFERENCIAIS DA CREATINA DA PHYSICAL PHARMA
DIFERENCIAIS DA CREATINA
DA PHYSICAL PHARMA

A Physical Pharma oferece tanto a creatina monohidratada como a HCL (hidroclorizada) como uma excelente aliada para você ganhar massa muscular e melhorar sua performance. Os dois tipos na versão em pó são altamente purificadas e importadas de laboratórios especializados em insumos para suplementos alimentares. No grupo das monohidratadas, a Physical Pharma lançou ainda a Creapure, com atestado alemão de nível de pureza e uma velocidade de absorção um pouco maior.

Atenção à quantidade que deve ser diluída em água. Acrescente 3g de creatina monohidratada (inclusive a Creapura) em 250 ml de água. Se for consumir a creatina HCL, adicione 3g do suplemento em 150 ml de água. A creatina monohidratada da Physical Pharma está disponível em embalagens com 200g e 400g. A Creapure também existe em frascos de 200g e de 500g do suplemento em pó. Já a creatina HCL da Physical Pharma é comercializada em embalagens de 150g.


CREATINA E PERFORMANCE

Os efeitos ergogênicos da suplementação de creatina em atividades como treinamento de força são documentados em diversos tipos de estudos acadêmicos, realizados com homens e mulheres de diferentes faixas etárias. Isso se confirma principalmente entre os praticantes de esportes de alta intensidade, curta duração e com muita repetição de movimentos.

Você frequenta pistas de atletismo, salas de musculação, boxes de crossfit, tatames e outros espaços de artes marciais ou até velódromos? Se sim, reserve diariamente parte da sua garrafinha de água para diluir a creatina. Essas doses extras de creatina vão se armazenar em seus músculos e servirão de energia para levantar mais peso, ter movimentos de explosão mais eficientes, render mais em seus treinos. Isso tudo pode ser resumido em uma expressão que todo atleta ou esportista gosta de ouvir: sua performance vai melhorar muito!

Vale comentar que se você gosta mesmo de atividades de longa duração, a exemplo de maratonistas ou ultramaratonistas, a suplementação de creatina pode ser pensada como um suporte na redução da fadiga, já que seu treinamento também vai incluir dias de fortalecimento e recuperação muscular. Diretamente a creatina não fará você baixar sua marca nos 42 km, mas ao ingeri-la regularmente seu cansaço diminui e seu rendimento nos treinos aumentará. No fim das contas, seu tempo de maratona possivelmente vai baixar.


Isabela Borba, Médica do esporte e parceira Physical Pharma
A creatina é um suplemento muito estudado, com bases cientificas sólidas, nas quais comprova-se um auxílio no aumento de força nos treinos. Com isso, há uma melhora da performance, corroborando um aumento do ganho de massa muscular.

Isabela Borba,
Médica do esporte e parceira Physical Pharma

CREATINA
E HIPERTROFIA MUSCULAR
CREATINA E HIPERTROFIA MUSCULAR

Quando o objetivo é ficar forte, ou seja, fazer um trabalho de hipertrofia muscular, considere o suplemento de creatina como um acessório essencial. Ele é tão importante quanto as anilhas que vão para a barra ou quanto a sua planilha semanal de treinos. Outro artigo3 disponível na Biblioteca Nacional de Medicina dos EUA, publicado em 2003, com uma análise estatística combinando o resultado de 67 estudos que mediram uso de creatina e massa corporal, confirmou que em 43 deles houve aumento da massa decorrente da suplementação.

Treinamento de força sem ingestão de creatina vai fazer você ganhar massa muscular, porém com esse suplemento você aumentará o volume corporal em menos tempo e com mais qualidade. Lembre-se que a creatina reduz a fadiga, então a sensação de bem-estar fora dos momentos de treino será maior.

Existem estudos que vão além: a suplementação de creatina parece ter grande efeito sobre o aumento no volume de treinamento. Nas amostras avaliadas, a presença da creatina no organismo permitiu que os esportistas realizassem mais repetições com a mesma carga, o que se traduz em maiores ganhos de massa magra num programa de treinamento de longo prazo.



CREATINA E CAFEÍNA

A creatina produzida pelo organismo ou ingerida por meio de suplementos é armazenada com água nos músculos. Questiona-se que a presença da cafeína pode prejudicar o armazenamento e os efeitos positivos da creatina. Mas não há evidências científicas suficientes para excluir uma ou outra substância. Não precisa cortar o cafezinho ou desistir do suplemento de cafeína. Planeje a ingestão do suplemento de creatina com água, fora do momento em que deseja consumir cafeína. Dê tempo ao seu organismo para absorver a creatina da melhor maneira. E consulte um nutricionista esportivo para traçar estratégias que somem os benefícios desses suplementos, isso sempre é possível! Quer falar com um dos profissionais parceiros da Physical Pharma? Fale conosco: email ( atendimento@physicalpharma.com.br) ou telefone (11) 2063-6679.



GLUTAMINA ENGORDA?

CREATINA ENGORDA?

Se a pergunta se refere ao ganho de gordura corporal, a resposta definitivamente é NÃO. Creatina não engorda. Mas ao engatar uma rotina intensa de treinos para ganho de massa corporal, o ponteiro da balança pode subir, sim. Só que vai significar esse aumento dos músculos, não de gordura localizada.

A creatina se associa à água para se fixar nos músculos e acelerar a produção de ATP. Pode-se afirmar que essa água causa inchaço? Também não porque a quantidade não é significativa para isso. Siga nossas orientações para consumir seu suplemento de creatina sem falsas preocupações.



HÁ CONTRAINDICAÇÃO DA
CREATINA?

A ingestão excessiva de creatina e por longos períodos pode exigir mais do funcionamento do seu corpo. Até por isso sempre ressaltamos que para tirar o máximo proveito de um suplemento, ele deve ser consumido considerando tanto os treinos, como a alimentação e a ingestão de outros suplementos. Existem equações que equilibram tudo isso e um profissional experiente pode dar dicas de como fazer. Estamos à disposição para ajudar, fale conosco: email ( atendimento@physicalpharma.com.br) ou telefone (11) 2063-6679.



Referência citada no texto:
1. OLIVEIRA, Ludmila Miranda. AZEVEDO, Maíra de Oliveira. CARDOSO, Camila Kellen de Souza. Efeitos da suplementação de creatina sobre a composição corporal de praticantes de exercícios físicos, Revista Brasileira de Nutrição Esportiva, São Paulo. v. 11. n. 61. p. 10-15. Jan./Fev. 2017.

2. CANDOW, D.G. VOGT, E. JOHANNSMEYER, S. FORBES, S.C. FARTHING, J.P. Strategic creatine supplementation and resistance training in healthy older adults, Appl. Physiol. Nutr. Metab. 40, 689-694, National Library of Medicine (EUA), 2015.

3. BRANCH, J.D. Effect of creatine supplementation on body composition and performance: a meta-analysis, Int J Sport Nutr. Exerc. Metab. 13, 198-26, National Library of Medicine (EUA), 2003.

INGREDIENTES:
Creatina Monohidratada (HCL)
NÃO CONTÉM GLÚTEN.

Sugestão de uso:
Diluir 1 medida padrão (3g) de Creatina em 150 ml de agua. Consumir uma porção ao dia, ou conforme orientação profissional

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características